Seguro Viagem – O que fazer se ficar doente durante sua viagem aos EUA

Você já se perguntou o que fazer se adoecer durante a viagem para os Estados Unidos? Todos torcem para não ficar doente durante a viagem, mas isso é possível e é bom ficar bem informado! Já sabendo o que fazer, você não precisa perder tempo procurando informações e assim pode aproveitar a viagem sem preocupação. Então leia esse post até o fim, saiba como agir caso fique doente nos EUA e viaje seguro e tranquilo, sabendo tudo o que precisa fazer. Saiba a importância do Seguro Viagem, como ele funciona, quanto custa, o que ele cobre, dicas e mais.

A importância do Seguro Viagem

Precisa fazer Seguro Viagem? Precisa SIM fazer Seguro Viagem, isso é indiscutível. Você gasta mais com uma simples consulta médica nos EUA do que com o Seguro Viagem. Uma consulta nos EUA custa de $200 a $500 dólares, internação rápida mais $2mil a $3mil dólares, procedimento cirúrgico nem se fala para não assustar. Imprevisto durante a viagem pode acontecer, todos nós sabemos disso. Então é melhor pagar o Seguro Viagem e ficar tranquilo. Se caso você precisar de uma consulta médica nos EUA já vai estar garantido.

Nos Estados Unidos, não se compra nada na farmácia sem receita médica. Nem remédios simples como dipirona, como acontece no Brasil. Ou então um anti-inflamatório. Receitas do Brasil não valem, e pagar uma consulta nos EUA é bem caro. Tudo pode sair mais caro que o Seguro Viagem, então vale a pena pagar por ele.

Como funciona o Seguro Viagem

O Seguro Viagem é como se fosse um seguro de saúde temporário que só vale em um lugar. Quando você vai viajar e contrata o Seguro Viagem, deve falar para onde vai e quantos dias vai ficar. Então naquele destino e durante aqueles dias o Seguro vai valer. Existem dois tipos de serviços diferentes, embora tudo seja chamado de Seguro Viagem, existe o Seguro de Viagem e a Assistência de Viagem.

  • Seguro de viagem: no Seguro, se você tiver um problema, deve pagar para resolver, pagar médico, pagar hospital e remédios e guardar as notas. Depois a empresa vai analisar o seu caso e te reembolsar.
  • Assistência de Viagem: na Assistência, eles irão te indicar onde ser atendido e você será atendido sem precisar desembolsar nada.

Algumas empresas podem vender os dois serviços no mesmo pacote. Se optar por esse pacote, poderá tanto ir em um lugar de sua escolha e guardar as notas para ser reembolsado depois, como pode ir onde te indicarem.

Assim que você fechar o seu Seguro Viagem, irá receber um papel com um telefone e todos os dados te identificando. Sempre guarde esse papel na sua bagagem de mão, para não perder. Você também pode tirar foto para ter fácil acesso no celular. Se precisar, basta ligar no número que estará no papel (não será cobrada a ligação) e terá alguém do outro lado da linha para te dar assistência.

O seguro pode mandar um médico até você, pode te mandar para uma clínica ou um hospital. Tudo irá depender das circunstâncias, como horário, localização, nível no problema… Isso quem irá dizer será o Seguro Viagem, a pessoa que falar com você quando você ligar.

Urgência e emergência – Brasil vs EUA

Existe uma grande diferença no atendimento dos EUA comparado ao atendimento do Brasil. No Brasil, qualquer coisa um pouquinho mais grave já é caso de ir para a porta do Hospital na emergência. Nos EUA não, emergência é somente para emergências mesmo, caso de vida ou morte que não pode esperar. Qualquer coisa diferente disso não é emergência. Se puder esperar algumas horas ou até o outro dia, não é emergência, você será encaminhado para o Urgent Care, que são clínicas de urgência (algumas especializadas como clínica pediátrica, ortopédica e outras mais gerais).

O Seguro Viagem saberá te indicar para onde seguir. Pode ser que o Seguro deixe tudo encaminhado já no Hospital (as vezes com tradutor e tudo), é só chegar e se identificar com o número recebido. Ou, em outros casos, caso não consiga contato imediato com o seguro, basta seguir para uma clínica do seu conhecimento, recolher toda a papelada e mandar para o Seguro te reembolsar depois. Se eles irão deixar tudo pago ou se irão reembolsar depois, pode variar de caso para caso.

Quanto custa um Seguro Viagem

É bem mais econômico pagar por um Seguro do que pagar uma consulta dependendo do seu destino. Já deixamos claro. O valor dos seguros variam muito dependendo da data da viagem, da quantidade de dias e do país de destino. Atualmente, as companhias aéreas, empresas de seguros e cartões de crédito oferecem esse serviço. Você pode fazer um orçamento em vários deles para saber qual se identifica e qual é o melhor para o seu tipo de viagem. Mas com certeza irá caber no seu bolso. Para ter uma base, uma viagem de 7 a 11 dias nos Estados Unidos tem o preço médio de R$200 e R$250. Esses valores muitas vezes podem ser parcelados e você pode encontrar pela internet cupons de desconto para pagar ainda menos.

Qual seguro contratar

Isso depende de vários fatores. Para quem é praticante de esportes de aventura como ski, snowboard e outros esportes, o seguro precisa ser especial. Nem todo seguro cobre esses esportes radicais. Então é preciso fazer um seguro especifico. Outro fator que influencia é o nível de cobertura do seguro. Você pode contratar um seguro mais simples com cobertura básica ou você pode contratar um seguro completo que cobre absolutamente tudo. O mais completo será mais caro e o básico tem um preço mais acessível, é você que escolhe.

Seguro de Viagem do Cartão de Crédito

É importante ressaltar que muitos cartões de crédito oferecem já o Seguro Viagem. Nesse caso você pode entrar em contato com a sua operadora de cartão para ter certeza se você tem ou não esse serviço e em quais condições você tem direito. Em alguns casos, você só tem direito se comprar a passagem com o cartão de crédito. Em outros casos, o seguro é oferecido automaticamente. Se informe.

O que o Seguro Viagem cobre

A lista de serviços que o Seguro Viagem cobre é bem variada, como:

  • Atendimento médico e odontológico;
  • Seguro no caso de interrupção ou cancelamento da viagem em caso de emergência médica;
  • Visita do segurado ao hospital;
  • Acompanhante no caso de hospitalização prolongada;
  • Despesas farmacêuticas;
  • Hospedagem após alta hospitalar;
  • Remarcação de passagem;
  • Repatriação médica;
  • Assistência funeral;
  • Indenização no caso de morte;
  • Indenização no caso de invalidez;
  • Localização de bagagem extraviada;
  • Indenização no caso de extravio de bagagem;
  • Despesas jurídicas;
  • Pagamento antecipado de fiança no caso de cadeia.

A cobertura varia MUITO! Elas não seguem o mesmo critério, então é muito importante ler com tranquilidade o contrato de seguro para ter certeza absoluta quais são os serviços oferecidos pela empresa que você escolheu.

Importante!

Nunca busque uma solução em remédios caseiros na internet, sempre vá a um médico. Se você fizer uso contínuo de algum tipo de remédio, sempre deixe-o junto a você na sua bagagem de mão, não coloque na mala para não correr o risco de perder caso extraviar. Analise bem linha a linha na hora de escolher seu seguro. Nunca deixe de pagar o seu Seguro Viagem. E lembre-se: para visitar os Estados Unidos você irá precisar do Visto de Turismo. Veja mais informações úteis nos links abaixo:

Veja também:

Deixe uma resposta